Feliz Ano Novo

Feliz Ano Novo
Estamos a terminar mais um ano.

Foi bom para uns, melhor para outros, muito melhores para outros ainda, falando numa perspetiva de cariz inserida no contexto deste site.

A partir de Janeiro pretendo aqui começar uma série de “Contos Eróticos” com edições do blog semanais, onde irei descrever todo um conjunto de histórias de vivencias, das quais uma grande parte baseadas em vivências pessoais, outras fruto de desejos ou fetiches de carácter mais ficcional.

Por estarmos precisamente a terminar o ano….

Faltavam 20 minutos para os ponteiros se alinharem e tocarem o ponto mais alto do relógio de ponteiros. Todos os preparativos estavam a ultimar-se para receber o Novo Ano. Passas de uva na mão, copos de champanhe a postos e como não poderia deixar de sem, um bom som, bem alto e frenético.
Na pista de dança alguns pares dançavam, outros riam, brincavam na penumbra das luzes e da boa de espelhos que girava e girava no tecto. Feixes de luzes lazer projetavam na parede, não só efeitos de luz lindos como também o relógio digital que fazia a contagem decrescente.

A grande maioria que ali estavam eram casais, namorados, mas maioritariamente todos tinham o par a seu lado. Apercebi-me nesse momento que era dos poucos, senão o único que “afogava” o ano velho, digamos que solitariamente entre tantos.

Olhei o relógio, entre tantos pensamentos e percebi que o tempo tinha quase pulado sem que eu desse conta. Todos pulavam de alegria, gritando….10….9….8… quando alguém me diz….junte-se a nós!!!

Uma voz feminina…quando olho ela segura-me a mão e … 3…2…1….
Gritos de Feliz Ano Novo, abraços e no meio da confusão um beijo…quente e delicioso daquela boca de lábios carnudos e doces.
Ficamos os 3 a festejar e a falar primeiro sobre assuntos de carácter geral, depois mais pessoal, e finalmente já falávamos de assuntos íntimos, de desejos e de prazeres, como se há muito tempo nos conhecêssemos.

Duas da manhã…estávamos a caminho de casa deles, convidado para uma escaldante noite a 3. Logo á entrada ela despe a roupa de cerimônia, transparecendo uns deliciosos seios de aureolas grandes e bicos tesudos. Despe-me lentamente entre beijos no corpo à medida que me tira a roupa, enquanto ele já despido olha para nós e masturba-se…

Quase parece que estou no paraíso, fecho os olhos e delicio-me…Quando dou por mim estou deitado no chão da entrada, com ela a delirar de tesão, montada em cima do meu pau duro. Os bicos das mamas grandes e duros….Enquanto isso vai mamando o pau do namorado ao mesmo tempo.

Fomos para a cama e rolamos imensas vezes, trocando de posições e de parceiro. Foi deliciosamente espetacular, e para eles a primeira vez. Algo que aconteceu de uma forma espontânea no calor da festa e que se veio a tornar a festa de todos os dias, completando-nos e partilhando essa amizade sem tabus, por muitos anos…

Espero que tenham gostado, para o próximo ano, cá estarei com novas histórias.

FELIZ ANO NOVO

Bir cevap yazın

E-posta hesabınız yayımlanmayacak. Gerekli alanlar * ile işaretlenmişlerdir